Celtas e Caretos no Mercado de Culturas… à Luz das Velas

Na sua 3ª edição, o “Mercado de Culturas… à Luz das Velas” vai trazer a Cultura Celta ao Convento de São José e ruas circundantes, de 7 a 10 de julho, das 19h00 à 01h00, depois de ter destacado as Culturas Muçulmana (2014) e Judaica-Sefardita (2015). De caraterísticas únicas em Portugal, este evento dará a oportunidade a mais de 60 artesãos de várias culturas e religiões de conviverem em harmonia e mostrarem as suas tradições, sabores e artes aos visitantes, que se espera sejam cerca de 40.000 nas quatro noites, com entrada livre. Vão estar em destaque as músicas do Mundo Celta, com atuações de Linda Scanlon (Irlanda), Sheela na Gig (Galiza/Reino Unido), Malcolm Macmillan (Escócia) e Morgane Le Cuff (Bretanha). Uma das novidades deste ano será a presença de um grupo de Caretos, que visita o Algarve pela primeira vez. Os Caretos são personagens diabólicas e místicas do carnaval de Trás-os-Montes e Alto Douro, acreditando-se que esta tradição tenha raízes célticas.
Diariamente haverá oficinas de Tarot de Runas e de Tiaras Celtas e também diariamente será realizado, por uma “bruxa”, o ritual “A Queimada” – tradição milenar dos povos da Galiza e Norte de Portugal – que, embora ninguém saiba ao certo qual a origem, há quem a ligue ao dia dos mortos e quem estabeleça relações entre a Queimada Galega e algumas tradições Celtas.
Não faltará também o Conto do Mago Merlin e, naturalmente, um espetáculo de evocação da Beltane, com dança e fogo.
A nível gastronómico, os claustros do Convento São José irão transformar-se numa taberna celta com carne servida na telha, cervejas artesanais e hidromel.
O aspeto mais importante deste evento cultural será o acendimento diário de 12.000 velas, com as quais vão ser desenhados símbolos, amuletos e runas Celtas. Estes símbolos feitos de velas tornaram-se a imagem de marca do evento e estarão posicionados nas entradas e no interior do Mercado e também na Praceta dos Símbolos, constituindo um espetáculo de enorme beleza cénica.
Simultaneamente decorrerá no Convento de São José uma exposição denominada “Máscaras Ibéricas de Tradição Celta” – com 50 máscaras ligadas a cultos celtas, ao solstício de inverno e à fertilidade – e também uma exposição de fotografia, “Portugal Celta”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.